sábado, 19 de dezembro de 2009

Ouro Preto reúne agentes culturais para debater política de gestão patrimonial





Encontro de gestores culturais discute Sistema Nacional de Patrimônio Cultural


A busca pela construção do Sistema Nacional de Patrimônio Cultural – SNPC foi a ênfase na abertura do I Fórum Nacional do Patrimônio Cultural, um encontro com 500 participantes, entre gestores, pesquisadores, profissionais, representantes de instituições das áreas de planejamento público e patrimônio cultural, que teve início no domingo, dia 13 de dezembro, em Ouro Preto – MG. A solenidade de abertura foi na Casa da Ópera, o mais antigo teatro em atividade da América Latina, construído em 1770. O evento é promovido pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – Iphan, em parceria com o Fórum Nacional de Dirigentes e Secretários Estaduais de Cultura e a Associação Brasileira de Cidades Históricas – ABCH.

O presidente do Iphan, Luiz Fernando de Almeida, destacou o processo de transformação da política de gestão patrimonial pelo qual o Brasil passou nos últimos anos, ressaltando a presença do Iphan nas várias etapas dessa mudança, especialmente na ampliação conceitual do campo do patrimônio. Segundo Luiz Fernando, a instituição rompeu com a idéia de que sua responsabilidade se resume a cuidar de um bem tombado. “Hoje o Iphan redimensionou seu enfrentamento e não atua mais setorialmente. Toda a gestão patrimonial se dá em sentido transversal, unindo as três esferas de governo e a sociedade civil organizada, com ações temáticas, como o patrimônio naval ou o patrimônio ferroviário, que são questões comuns a todas as comunidades”, revela o presidente do Iphan.

Citando as ações do Programa Monumenta e do PAC das Cidades Históricas, lançado em outubro pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, também em Ouro Preto, Luiz Fernando de Almeida lembrou que desde a década de 1970 não acontece no Brasil uma reunião que envolva todos os agentes culturais do país. Desta forma, segundo ele, o Fórum Nacional do Patrimônio Cultural é um “momento de iniciar um processo que comece com a nova percepção de que precisamos criar novos interlocutores para instituir uma política patrimonial com maior organicidade que nos leve à realização do Sistema Nacional Patrimônio Cultural”, conclui.

O Fórum Nacional do Patrimônio Cultural

O Fórum tem abrangência nacional e é voltado para discussão, reflexão e construção conjunta da Política Nacional de Patrimônio Cultural – PNPC, buscando definir os desafios, as diretrizes e as estratégias de atuação dos gestores. Os próximos encontros acontecerão a cada dois anos, sempre nas cidades onde o prefeito for também o presidente da ABCH.

Os esforços do Iphan para a construção do SNPC vêm sendo implementados desde 2007, especialmente na área de gestão de patrimônio cultural. São várias ações como a reorganização da ABCH, a pactuação com o Fórum Nacional dos Secretários e Dirigentes Estaduais de Cultura e a criação do Grupo de Trabalho do Patrimônio – GT Patrimônio, reunindo Iphan e órgãos estaduais do patrimônio. Vale citar ainda a realização da I Oficina de Patrimônio e a participação do Iphan na organização da II Conferência Nacional de Cultura – CNC, além dos Planos de Ação para as Cidades Históricas.

Os participantes do Fórum Nacional do Patrimônio Cultural vão elaborar a Carta de Ouro Preto, um documento base, elaborado por tema e área de atuação, para a criação de diretrizes para a Política Nacional do Patrimônio Cultural e a estruturação do Sistema Nacional do Patrimônio Cultural. Também serão publicados artigos sobre os temas apresentados pelos conferencistas e os Anais do I Fórum Nacional do Patrimônio Cultural, com o resumo dos trabalhos apresentados no evento.


Fonte: Portal do Iphan

Iphan inaugura a "Casa do Patrimônio" em Ouro Preto



O imponente casarão da Praça Tiradentes conhecido como Casa da Baronesa passa a ser, além de espaço do órgão fiscalizador do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional - Iphan, um ambiente de diálogo com a comunidade. Sob direção do arquiteto Leonardo Barreto, a 13ª Superintendência do Iphan inaugurou no local, nesta quarta-feira, 16 de dezembro, a Casa do Patrimônio de Ouro Preto.

Um espaço interativo, irradiador de cultura, a Casa do Patrimônio conta com um circuito expositivo que inclui basicamente três módulos, divididos da seguinte forma: Iphan, Arqueologia e Evolução Urbana. A complexidade e a riqueza do conteúdo histórico-cultural da antiga Vila Rica revelam-se através dos detalhes arquitetônicos que podem ser constatados até hoje ao circular pela cidade e que são ressaltados na mostra de longa duração.

Um dos aspectos principais da exposição é a escavação arqueológica realizada no quintal da Casa da Baronesa em 2007 e a visão parcial do caminho-tronco, traço determinante e formador da malha urbana da cidade, que podem ser observados na área externa da casa.


A exposição pode ser visitada de segunda a sexta-feira, das 9 às 17h.

Mais informações pelo telefone (31) 3551-3099.

Saiba mais:

O casarão conhecido como Casa da Baronesa em Ouro Preto foi residência que pertenceu à família do Barão de Camargos, Manoel Teixeira de Souza, doada à União em 1941. Abriga a 13ª Sub-regional II do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional - IPHAN.

Localização: Praça Tiradentes, s/nº - Centro

Fonte: ouropreto.com

Roteiro realizado com Guardas Municipais da cidade de Mariana, no dia 12 de dezembro de 2009



Roteiro realizado com alunos de Turismo da UFVJM (Diamantina) no dia 11 de dezembro de 2009



Você Sabia?

Lendas e Causos de Ouro Preto


Você conhece a lenda da Mãe do Ouro? E do Cavaleiro misterioso? Não?!

Então clique e confira!!

Roteiro "Antônio Dias" realizado com alunos do 1º período de Turismo (09/2) da UFOP



quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

Alunos de Turismo Brasília fazem roteiro do Projeto Sentidos Urbanos




Todos os participanes eram alunos da Faculdade de Ciências Sociais e Tecnológicas de Brasília e participaram do roteiro "Antônio Dias".
A assessoria de imprensa da faculdade publicou uma reportagem sobre a visita no site da Faculdade.
Todo o projeto agradece a participação dos alunos!!

Ocorreu um erro neste gadget