terça-feira, 31 de outubro de 2017

Olhares (Im)possíveis: Retorno das atividades na E.M. Adhalmir Maia

A equipe do programa Sentidos Urbanos: Patrimônio e Cidadania retornou, na manhã de terça-feira, 31, à Escola Municipal Professor Adhalmir  Santos Maia, para mais uma atividade da oficina Olhares (Im)possíveis: sonhos. Depois de um hiato de um mês, os alunos do quinto ano da escola receberam os membros da equipe para a realização de algumas práticas de jogos, além de assistirem, em primeira mão, a reportagem realizada pela equipe da TV Ufop, acerca da oficina Olhares (Im)possíveis, que contou com a participação de alguns dos estudantes da turma. Os estudantes também relembraram e assistiram seus filmes-carta. Confira na galeria de imagens como foi este encontro:





A exibição da  matéria com os alunos do quinto ano da Escola Municipal Professora Adhalmir dos Santos Maia será exibida hoje, na TV Ufop, as 19 horas. 

sexta-feira, 27 de outubro de 2017

Poéticas e Moradas: Estudantes da E. M. Adhalmir Maia visitam a Casa da Baronesa

Na manhã da última quarta-feira, dia 25 de outubro, os alunos das turmas do quarto ano da Escola Municipal Professor Adhalmir dos Santos Maia participaram do Circuito Expositivo - Casa da Baronesa. A visita é um dos momentos mais divertidos da Oficina Poéticas e Moradas. O Circuito aconteceu em dois momentos da manhã, já que as turmas foram divididas, para que ambas pudessem aproveitar mais a mediação teatral. A personagem Casa e suas assistentes, Gigi, Karlota e Joaquina, conduziram as crianças no percurso. Para garantir a diversão a equipe utilizou-se de jogos teatrais. Confira algumas imagens do Circuito Expositivo - Casa da Baronesa na nossa galeria:



quinta-feira, 26 de outubro de 2017

Olhares (Im)possíveis: mais uma turma recebe a ação

 Estudantes do curso Circuitos Museológicos, da FAOP, experimentam a cidade e a linguagem audiovisual com a oficina do programa Sentidos Urbanos





Mais uma etapa da oficina Olhares (Im)possíveis começou na quarta-feira, dia 18/10. Agora é a vez da turma do curso Circuitos Museológicos da Fundação de Artes de Ouro Preto (FAOP) experienciarem a ação ofertada pelo Programa Sentidos Urbanos. A turma, que já conhecia o programa por meio dos roteiros sensoriais, começou as atividades com uma caminhada fotográfica pela cidade de Ouro Preto. Neste encontro pudemos perceber a cidade para além do centro histórico, visualizar e experimentar a Ouro Preto do cotidiano. Das fotografias realizadas neste encontro, sairão os cartões postais da turma que conta com 13 jovens. Após a caminhada, foram confeccionados os mapas afetivos de cada um, destacando os pontos da cidade que mais despertam a atenção deles. 

No segundo encontro que aconteceu no dia 25/10 foi realizado um mapa coletivo do percurso realizado no encontro anterior. A turma destacou os pontos que foram mais marcantes no trajeto. Intervenções urbanas, pontes, becos e chafarizes que compõem a paisagem urbana da cidade e que na correria do dia a dia. Após a feitura do mapa, começamos a entrar mais na linguagem audiovisual, apresentando o início do cinema, com os irmãos Lumière e a construção do cinematógrafo. 

Minuto Lumière


O Minuto Lumière é uma atividade inspirada na tecnologia criada pelos pais do cinema, no final do século XIX - o cinematógrafo. O equipamento captava e reproduzia imagens, e cada rolo de filme comportava apenas 57 segundos de gravação, em um único plano. Nesse sentido, a proposta da atividade é captar um minuto com a câmera estática, podendo fazer as escolhas de pré-produção e, deixando por conta do acaso a construção da narrativa. A atividade foi bem recebida pela turma. Muitas cenas dirigidas, produzidas com os recursos disponíveis. Ainda temos alguns encontros até o final do ano e muito trabalho pela frente. Continue acompanhando aqui pelo blog! 

terça-feira, 24 de outubro de 2017

Abrigo de Memórias: Equipe do programa Sentidos Urbanos inicia uma nova ação na E. M. Adhalmir Maia

O programa Sentidos Urbanos: Patrimônio e cidadania iniciou uma nova ação na Escola Municipal Professor Adhalmir dos Santos Maia. Com o intuito de resgatar  as identidades e as memórias afetivas e familiares dos participantes, a oficina Abrigo de Memórias pretende fazer uma relação do eu e os espaços de vivência, como a casa, o bairro, a escola e a cidade.
O primeiro encontro da equipe Sentidos Urbanos, com os alunos do terceiro ano da escola, aconteceu no dia 28 de setembro, uma manhã de quinta-feira. Neste encontro, os estudantes conheceram os membros da equipe, e fizeram diversos jogos teatrais; propondo através destes uma integração entre os participantes e os mediadores.
No segundo encontro, dia cinco de outubro, os participantes começaram a confecção de suas caixas; cada um personalizou as embalagens com os diversos materiais trazidos pela equipe. O intuito das caixas é abrigar as produções realizadas durante o dia da atividade. Confira na nossa galeria de imagens, um pouco do que aconteceu nos dias das ações da oficina Abrigo de Memórias:   





O próximo encontro com os estudantes da Escola Municipal Professor Adhalmir dos Santos Maia, acontece na próxima quinta-feira, dia 26. Fique ligado no blog para saber mais novidades sobre esta ação!



quinta-feira, 19 de outubro de 2017

Poéticas e Moradas continua com atividades na E. M. Adhalmir Maia

A equipe do Programa Sentidos Urbanos: patrimônio e cidadania retornou à Escola Municipal Professor Adhalmir dos Santos Maia, na manhã da última quarta-feira, 18. Depois do hiato devido a Semana das Crianças, a oficina Poéticas e Moradas continuou com suas atividades. A oficina tem como objetivo, trabalhar, através de jogos teatrais, as diversas moradas que nos acolhem, desde a casa onde habitamos até os patrimônios históricos.
Neste encontro, os estudantes das duas turmas do quarto ano da escola, fizeram jogos de apresentação, além de práticas em grupo; onde foram trabalhados alguns jogos que pudessem fazer uma integração maior entre as turmas. Confira na nossa galeria de imagens como foi o segundo encontro da equipe do Programa Sentidos Urbanos e os alunos da E.M. Professor Adhalmir dos Santos Maia.









quarta-feira, 18 de outubro de 2017

Portal do IPHAN aponta o Programa Sentidos Urbanos como referência em educação patrimonial.


O Programa Sentidos Urbanos começou a atuar na cidade de Ouro Preto em 2009, iniciativa da Casa do Patrimônio de Ouro Preto. Grandes parcerias fizeram com que muito mais pessoas tivessem contato com as ações do programa até aqui. O portal do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) apontou o programa como referência em educação patrimonial. Confira neste link a matéria realizada sobre o Sentidos Urbanos: http://portal.iphan.gov.br/noticias/detalhes/4386
Este reconhecimento é importante para que nossas ações alcancem mais espaços na cidade. E é recebido pela nossa equipe com muita satisfação!


quinta-feira, 5 de outubro de 2017

Olhares (Im)possíveis volta em clima de reta final


Ação realizada na Escola da Barra já aponta para os resultados e filme carta fica mais próximo de se tornar uma realidade


A oficina Olhares (Im)possíveis retornou na Escola Municipal Monsenhor João Castilho Barbosa. Após o recesso acadêmico, nos encontramos com a turma do 9º ano do ensino fundamental para dar prosseguimento com o filme carta

No encontro que aconteceu no dia 27/09 apresentamos um detalhamento maior do que será esse filme carta, além de aprofundarmos mais em questões relacionadas a linguagem audiovisual e a produção de vídeos. Neste encontro, a turma começou a escrever o roteiro do filme que vão construir. Já no encontro de ontem 04/10 começamos a colocar a mão na massa. 


Todo o processo de pré-produção foi finalizado e já começamos a gravar algumas cenas que constavam no roteiro. Para o próximo encontro fica a expectativa de ver esse conteúdo ganhando forma. Já estamos caminhando para a reta final dessa ação na Escola da Barra e em breve você pode conferir por aqui o resultado dela. Fique ligado! 
Ocorreu um erro neste gadget